quarta-feira, 22 de maio de 2013

Lua Clara.



Clara noite surge dos olhos
qual lua que exala cheiro morno
de alecrim em primavera anunciada.

Clara lua percorre a madrugada
das águas em ventos quentes
trazidos do norte.

A floresta é tua cama,
as cachoeiras, teus versos,
a essência da natureza
sua própria beleza.

(Dimitre Padilha)

3 comentários:

  1. Okê Aro. Simplesmente lindo.

    ResponderExcluir
  2. Ah! se eu pudesse...

    ResponderExcluir
  3. amei lindo de mais mim emosionei porque meu nome e lua clara

    ResponderExcluir